Fibromialgia

O que é fibromialgia / para compartilhar com quem sente dores crônicas

A Fibromialgia é considerada uma das doenças mais frequentes do Sistema Músculo esquelético, ficando atrás somente da Osteoporose.

Em geral seus primeiros sintomas surgem no início da idade adulta, ou na adolescência. Trata-se de um distúrbio crônico de longa evolução, que possui como principal sintoma: DORES DIFUSAS EM DIVERSAS PARTES DO CORPO (músculos, tendões, ligamentos), que doem em diferentes momentos.

A Fibromialgia pode ser entendida como um estado de “sensibilização central” amplificada ou originada do sistema nervoso central que muitas vezes pode não responder ao tratamento, seja com analgésicos, antinflamatórios ou até mesmo com cirurgias para tentar reduzi-la.

Sintomas

  • Fadiga
  • Rigidez
  • Sono intranquilo (e não repousador, acorda mais cansada do que foi dormir)
  • Depressão
  • Dormências
  • Nódulos nos músculos (trigger points)

Pessoas com maior risco de desenvolver fibromialgia

  • Mulheres (75% dos casos)
  • Idade entre 30 a 65 anos
  • Sobrepeso (acima do seu peso normal)
  • Instabilidade Hormonal
  • ANSIEDADE (os fatores psicológicos, sociais e comportamentais tem estrita relação com essa patologia).

Diagnóstico

  • Eminentemente através do exame clínico
  • Porém atualmente dispomos de um novo exame, a Termografia veio trazer uma maior precisão no diagnóstico da Fibromialgia.

Tratamento

(a maioria das vezes exige uma equipe multidisciplinar)

  • Perda de peso e ganho de massa muscular.
  • Tratamento da instabilidade hormonal (reposição hormonal).
  • Atividade física regular (pelo menos 4 vezes por semana)
  • Tratamento dos pontos dolorosos através de Fisioterapia e Acupuntura.
  • Tratamento da Ansiedade e melhora dos fatores psicológicos, sociais e comportamentais.
  • Suplementos nutricionais e medicações quando necessário.